Pesquisa personalizada
Terça-feira, 25 de Novembro de 2008

A ÁRVORE DE NATAL

Desde que vim de férias que me tenho apercebido que o Natal está novamente a chegar. As lojas e as montras, os edifícios e as ruas têm vindo a engalanar-se para a época

 festiva. Desde alguns anos, mais propriamente desde que a minha mãe morreu, que o natal não me diz grande coisa. Deixou de haver consoada lá em casa e os manos, já casados, passam a noite de natal nas casas dos respectivos sogros. Por outro lado, o verdadeiro sentido do natal perdeu-se na nossa sociedade. Como lhe costumo chamar, o natal passou a ser a época da hipocrisia e da falsidade. Toda a gente dá presentes a toda gente, toda a gente perdoa toda a gente, mas passado o dia 25, toda gente volta a estar pronta para espetar uma valente facada nas costas de quem se ache que mereça. Quem o é, deixa de ser cristão no dia 26 e continua assim por quase um ano e quem não é cristão, pois celebra o nascimento do salvador á mesma... Nunca percebi e acho que nunca vou perceber...

Mas a verdade é que mesmo não achando piadinha nenhuma ao natal, no Domingo lá fizemos a nossa árvore de natal cá em casa. Sendo a primeira na casa nova, decidimos por uma questão estética e porque temos muito mis espaço, comprar uma árvore de natal nova, maior. Foi das poucas vezes nos últimos anos, que me lembro de ter sentido o espírito do natal... Fomos às compras, escolhemos em conjunto as decorações natalícias, compramos a tal árvore gigante e voltamos para casa, para montar e arranjar tudo no canto da sala... Foi muito giro, eu e o meu rapaz de volta da árvore a pendurar bolas e estrelinhas, sinos e laçarotes, com um entusiasmo quase infantil. Cheguei mesmo a cantarolar um ou outro trecho de uma música de natal...

Apesar de um pouco contrariado, também já começamos a fazer a lista dos presentes. Este ano seguimos um conceito diferente, nada convencional e muito mais prático.

Apesar de ainda não haver certezas, provavelmente este ano a consoada e o almoço de natal vão ser cá em casa, com os pais, mano e sobrinhas do meu gajo. Vamos lá a ver como vai correr...

 

sinto-me:

publicado por B às 10:51
link do post | comentar | favorito
|


.CONTACTO

omeuladob@sapo.pt

.THE B SIDE


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.links


referer referrer referers referrers http_referer

.posts recentes

. JUSTIFY IT...

. DESCONFORTO

. O PROMETIDO É DEVIDO SR. ...

. EM TERRA DE CEGOS...

. SOBRE OS TRAIDORES DA PÁT...

. A VIDA É ISTO MESMO

. CANSADO

. FCKH8

. AS FÉRIAS CHEGARAM AO FIM

. ATÉ AO MEU REGRESSO...

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.A BICHA DO DEMÓNIO...











SAPO Blogs

.subscrever feeds