Pesquisa personalizada

Sexta-feira, 19 de Novembro de 2010

DESCONFORTO

Sinto-me sozinho...

Tenho a sensação que estou a afastar-me da minha verdadeira vida, a vaguear por aí, sem norte, sem destino concreto...

Tenho tanto medo de me perder...

música: Mer Girl - Madonna

publicado por B às 17:37
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 30 de Outubro de 2010

A VIDA É ISTO MESMO

Y Punto é de facto a confirmação de um talento...

 

Tudo tão tocante e tão cheio de significado...

 

No sirvió para nada,
llenar el cantaro de miel,
porque al llevarlo a mi boca, quedó convertida en amarga hiel.

Cuanto más me sujetas,
más miedo tengo de caer.

Me marche de mi espacio y me hiciste un hueco en tu piel,
y como en un rosario, recé cada parte, sin entender.

Cuanto más me sujetas,
más miedo tengo de caer.

Como una estrella perdida,
vagué en tu universo y tuve sed, y sin pensarlo dos veces,
pusiste el oceano a mis pies.

Cuanto más me sujetas,
mas miedo tengo de caer.


publicado por B às 14:34
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 16 de Setembro de 2010

ESTOU DE VOLTA...

De facto, faz mesmo muito tempo que não vinha aqui...

Quase um ano. É muito tempo...

Actualmente, com a "vidinha" mais organizada e 500.000 vezes mais calma e tranquila, decidi voltar...

Passou tanta coisa desde a última vez que aqui estive. Coisas boas, coisas menos boas, algumas vitórias, outras quase derrotas... Durante os últimos tempos valeu tudo e... valeu muito a pena!!!

As circunstâncias da vida por que passei fizeram-me mudar tanto que por vezes até me assusto com o meu comportamento, com os meus pensamentos, com a minha nova forma de estar na vida e de encarar as situaçoes quotidianas. Não é mau, também não é bom, é um processo, uma transição, um caminho. Acho que faz parte do "crescimento" humano estas transições, que embora por vezes difíceis e dolorosas nos transportam para um outro lugar, para um outro eu mais experiente, com outros pontos de vista, com a personalidade mais "domada"...

Enfim, penso que conheci o meu terceiro lado... não o de dentro, não o de fora, não o "A", não o "B", mas talvez um "C"...

Olho para o espelho e nem a mesma pessoa já vejo. Parece que envelheci uns 10 anos em alguns meses. O corpo está cansado, o cabelo desalinhado e a pele a precisar de alguns cuidados que outrora já conheceu e que pelas circustâncias se foram descuidando. Bom, não importa, o que interessa mesmo é que estou de volta à minha vida e isso deixa-me muito feliz!!!

Também estou quase dé férias. Finalmente... vou cuidar de mim agora.

 


publicado por B às 18:49
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Novembro de 2009

UM OLÁ E UM ADEUS...

Faz tempo que não passo por aqui...

Desde que voltei a estudar, os dias parece que encolheram, as horas passam tão rápido, que mal tenho tempo para perceber que o tempo passa.

Desde a última vez que escrevi alguma coisa neste meu cantinho, tanta coisa aconteceu, tantas mudanças se operaram, que confesso que me sinto diferente.

Tenho passado por estados de espirito tão distintos... uns dolorosos, outros de euforia, uns tristes, outros alegres, mas chego á conclusão, que a fase difícil por que estou a passar está a ajudar-me a crescer. Pensava-me eu adulto e com as minhas capacidades já desenvolvidas... pura ignorância!!! Felizes os ignorantes... ou tristes, já nem sei...

A passagem por esses momentos mais complexos, aos quais chamo de escuridão (ausência de luz, de razão, de clareza de pensamento), tenho feito descobertas incriveis. Tenho aprendido a ver determinadas coisas com outros olhos, por diferentes pontos de vista, mais construtivos e mais positivos por sinal.

Pensei que no meio desta "tempestade", os ventos fortes, crueis e traiçoeiros que têm soprado em todas as direcções, abalassem a minha relação com o meu rapaz. Pensei que este meu estado de autismo, de egoismo puro (reservar todo o meu tempo para me dedicar a um objectivo pessoal e profissional) levasse a nossa relação ao extremo, à ruptura... Cheguei a pensar que quando voltasse à minha vida normal já estivesse sozinho novamente. Tal pode até vir a acontecer, mas de momento, a passagem pela tempestade, pela turbulência, tem-nos aproximado, tem-nos unido, fortificado!

Pelo menos a mim, tem-me feito pensar, reflectir, reajustar, reorganizar as gavetas do pensamento e chegar à conclusão que amo muito o meu rapaz. Por mais patético e enfadonho que possa parecer o que digo,por mais "clichet" que seja, chego à conclusão que a minha vida sem ele não tem o menor sentido. Chego a ter medo que lhe aconteça algo de inesperdo e que esse algo o arranque abruptamente de mim... (egoismo mais uma vez)

Por seu lado, ele tem-se demonstrado uma pessoa nova. Nova talvêz não, não que desconhecesse essa pessoa, porque no fundo eu conheço-o bem, mas nunca o tinha provado desta forma... e muito sinceramente, essa prova está a ter um sabor tão particular, tão revitalizante, tão dinamizador, tão motivador como o é o trincar um fruto suculento durante uma longa caminhada pelo árido e quente deserto...

Estou diferente... não sei bem porquê, não sei bem onde vai dar este caminho que percorro...

Já lá vão dois meses desde que este processo, que prefiro chamar de travessia, começou... faltam oito...

Está quase, quase...

hehehehehe....

Até um dia destes, um olá e um adeus!

música: Hairnet Paradise

publicado por B às 23:21
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Julho de 2009

WHY IS IT SO HARD?

Why's it so hard to love one another
Why's it so hard to love
What do I have to do to be accepted
What do I have to say
What do I have to do to be respected
How do I have to play
What do I have to look like to feel I'm equal
Where do I have to go
What club do I have to join to prove I'm worthy
Who do I have to know
I'm telling you brothers, sisters
Why can't we learn to challenge the system
Without living in pain
Brothers, sisters
Why can't we learn to accept that we're different
Before it's too late 
Why's it so damn hard
What do I have to learn to know what's right for me
What do I have to know
What am I going to do when I feel righteous
Where do I have to go
Who should get to say what I believe in
Who should have the right
What am I going to do with all this anger
Why do I have to fight
Bring your love, sing your love
Wear your love, share your love
Bring your love, sing your love
Wear your love, show your sister how
Brothers, sisters, what do I have to say
Brothers, sisters, how do I have to play
Brothers, sisters, who should have the right
Brothers, sisters, why do I have to fight
Why's it so hard to love one another
Love your sister, love your brother
Why's it so hard to love one another
Why's it so hard to love
Sing your love
Share your love
Love your brother now
Show your sister how
Love your brother now
Show your sister

 

Madonna (1993)

 

Porque é que ainda é tão difícil ser-se diferente? Porque é que ainda é tão sofrido não compactuar com sistemas viciados e que só salvaguardam os seus próprios interesses, jogando com as pessoas como se elas simplesmente se tratassem de peças avulsas de uma engrenagem pré-programada? Onde estão os valores humanos, onde está o amor entre as pessoas? Por onde anda o respeito? Quem é esse ilustre desconhecido nos dias de hoje? Que é feito do bem comum?

O que se passa comigo? Serei eu um Allien no meio de uma sociedade que não entendo, ou que não me entende ? Percorro a terceira década da minha vida com a sensação que não existe um único ser à superfície da terra que me compreenda, que me aceite como eu sou, o que me deixa profundamente triste...

música: Why's it so Hard

publicado por B às 10:15
link do post | comentar | favorito
|


.CONTACTO

omeuladob@sapo.pt

.THE B SIDE


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.links


referer referrer referers referrers http_referer

.posts recentes

. DESCONFORTO

. A VIDA É ISTO MESMO

. ESTOU DE VOLTA...

. UM OLÁ E UM ADEUS...

. WHY IS IT SO HARD?

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.A BICHA DO DEMÓNIO...











SAPO Blogs

.subscrever feeds