De Paulo a 4 de Julho de 2008 às 23:54
ultimamente, também passei por isso. deixei que as coisas fossem acontecendo e atendo às prioridades: trabalho e pessoas. desistir, não! mas no meu caso, são fases que acabam por passar, muitas sequelas que me deixem.

abraço


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres